Por que ser uma Cidade Digital » Novos projetos

Paraná
Implementação de infovia está prevista para 2009
O estado do Paraná está estruturando em frentes paralelas seu projeto de estado digital. Uma delas, que abrange as ações de inclusão digital, chama-se “Paranavegar” e trata de instalar telecentros e bibliotecas comunitárias nos municípios, prioritariamente nos de baixo Índice de Desenvolvimento Humano (IDH). A outra compreende a construção da infra-estrutura de rede e o desenvolvimento de soluções e softwares para a administração pública.
 
Rio de Janeiro/RJ
Orla Digital e Rio Digital entram em operação em agosto
As primeiras etapas dos projetos para a cidade (Orla Digital) e para o estado (Rio Digital) do Rio de Janeiro começam a operar em agosto, segundo o subsecretário estadual de Ciência e Tecnologia, Júlio Lagun Filho. Em entrevista ao Guia das Cidades Digitais, ele destaca as diferentes estratégias e parcerias em cada projeto e as variadas instâncias de atendimento: o cidadão; as funções essenciais de governo para a população; a área empresarial, do micro para o médio empresário, e assim por diante.
 
Salvador/BA
Terra do axé promove revolução digital
Salvador Digital, projeto iniciado em 2005 e que segundo o cronograma estará plenamente instalado até o final deste ano, é baseado em três vertentes estratégicas − inclusão sócio-digital, pólo de tecnologia e governo eletrônico. A iniciativa tem vários subprojetos, incluindo praças wireless e ônibus itinerante para acesso à internet. Um dos principais, batizado de Pelourinho Digital, cobrirá com sinal sem fio gratuito todo o centro histórico da capital e será inaugurado em 2 de julho, data em que se comemora a Independência da Bahia.
 
Blumenau/SC
Redes sem fio e de fibra ótica até o final de 2008
Cidade localizada a 91 quilômetros da capital catarinense, Blumenau está se preparando para lançar seu projeto de Cidade Digital no final de 2008. O modelo a ser adotado, que conjuga fibra ótica e rede sem fio, inspira-se na experiência da gaúcha Porto Alegre, onde o sinal de internet vai por fibra ótica até os bairros e daí é redistribuído por ondas de rádio. A tecnologia escolhida para a rede sem fio foi pré-Wimax.
 
Rio Grande do Sul
Famurs apóia os municípios rumo a um cenário digital
A Federação das Associações Municipais do Rio Grande do Sul (Famurs) tomou para si a tarefa de estimular a criação de Cidades Digitais naquele Estado. O programa criado em 2006 com este objetivo já identificou e abarcou 68 cidades, ou cerca de 14% do total dos 496 municípios gaúchos. A meta para 2008 é fazer o número de municípios participantes passar de 68 para 250.
 
« <   1   2   3   4   5   6   7   8   9   10   11   12   13   14   15   16   17   18   19   20   21   22   23   24   25   26   27   28   29   30   31   32   33   34   35   36   37   38   39   40   41   [42]   43   44   45   > »

«Voltar



Apoio: