Mercado » Setor Público

Prontuário eletrônico
Hospital estadual baiano adota o e-SUS Hospitalar

A partir de 1º de maio, os serviços do Hospital Geral Roberto Santos (HGRS) como a elaboração de prontuários, prescrição de medicamentos, solicitação de exames, marcação de consultas, internações, entre outros, estarão informatizados dentro das normas do Sistema de Informatização de Ambiente Hospitalar – o e-SUS Hospitalar –. 

Uma das principais mudanças é a implementação do prontuário eletrônico.


 
Capacitação
Servidores municipais têm treinamento para sistema de convênios

Mais de 500 funcionários de prefeituras do Paraná, Pará e Minas acabam de receber um treinamento para utilização do Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse (Siconv). O sistema foi criado em 2008 para agilizar e tornar mais transparente as transferências voluntárias da União com estados, municípios, Distrito Federal e entidades privadas sem fins lucrativos. 

 
Copa das Confederações 2013 e Copa do Mundo 2014
Telebras e Infraero assinam parceria

A Telebras e a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) assinaram Termo de Cooperação Técnica a fim de integrar as redes de telecomunicações federais com outras, visando a implementação do Programa Nacional de Banda Larga (PNBL) e a infraestrutura para a realização da Copa das Confederações de 2013 e da Copa do Mundo de 2014. A parceria segue até o dia 15 de abril de 2018.

 
Áreas de risco
Cemaden instala pluviômetros automáticos em Petrópolis

O Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (Cemaden/MCTI) acaba de entregar o primeiro lote de pluviômetros automáticos em Petrópolis (RJ), município que sofreu 34 mortes por deslizamentos causados por chuvas em março. A ação faz parte do projeto de instalação de 1,5 mil equipamentos em áreas de risco, anunciado no ano passado pelo Cemaden.

 
Calamidades
Estados e municípios: R$ 365 milhões com o Cartão de Pagamento de Defesa Civil

Até março, gestores de 108 municípios e 18 estados tiveram acesso imediato a repasses do Ministério da Integração Nacional para pagamentos relativos a socorro e assistência a vítimas de calamidades, assim como a recuperação de serviços essenciais. Do total de gastos pagos com o Cartão de Pagamento de Defesa Civil, 83% (R$ 304 milhões) foram realizados por governos estaduais, até porque a adesão direta só foi feita pela minoria dos municípios. 

 
« <   1   2   3   4   5   6   7   8   9   10   11   12   13   14   15   16   17   18   19   20   21   22   23   24   25   26   27   28   29   30   31   32   33   34   35   36   37   38   39   40   41   42   43   44   45   46   47   [48]   49   50   51   52   53   54   55   56   57   58   59   60   61   62   63   64   65   66   67   68   69   70   71   72   73   74   75   76   77   78   79   80   81   82   83   84   85   86   87   88   89   90   91   92   93   94   95   96   97   98   99   100   101   102   103   104   105   106   107   108   109   110   111   112   113   114   115   116   117   118   119   120   121   122   123   124   125   126   127   128   129   130   131   132   133   134   135   136   137   138   139   140   141   142   143   144   145   146   147   148   149   150   151   152   153   154   155   156   157   158   159   160   161   162   163   164   165   166   167   168   169   170   171   172   173   174   175   > »

«Voltar



Apoio: