Mercado » Setor Público

Cadastramento
Minicom vai repor telecentros atingidos por enchentes e deslizamentos

O Ministério das Comunicações vai repor os Telecentros Comunitários que foram danificados por desastres naturais decorrentes das chuvas neste início de ano. Os prefeitos dos municípios atingidos devem acessar o Portal dos Telecentros, localizado na página do Minicom na internet, e preencher o cadastro. O Minicom vai receber as inscrições e analisar os casos para agendar a reposição.

 
Recursos públicos e privados
Copa e Olimpíadas vão precisar de R$ 100 milhões de investimentos em telecomunicações

O setor de telecomunicações precisará investir R$ 100 milhões nos projetos ligados à Copa do Mundo de 2014 e às Olimpíadas de 2016, segundo projeção do presidente da Associação Brasileira da Infraestrutura e Indústria de Base (Abdib), Paulo Godoy. Ele assegura que as empresas do setor estão comprometidas com os projetos do governo de ampliação do acesso à internet em banda larga.

 
Banda larga
Telebrás quer chip do Ceitec para a faixa de 450 MHz

O Ceitec, a empresa pública de semicondutores, começou a desenvolver um chip que usará a tecnologia WiMax na faixa de 450 MHz com foco no Plano Nacional de Banda Larga. A lógica é usar o poder de compra da Telebrás para incentivar os fabricantes nacionais a apostarem no chip e desenvolverem produtos para levar as conexões em banda larga para fora dos grandes centros urbanos.

 
Diretrizes
Governo Dilma mantém preferência ao software livre

Para normatizar o uso de software público na Administração, a Secretaria de Logística de TI (SLTI) do Ministério do Planejamento publicou no Diário Oficial da União a Instrução Normativa nº 1 na qual define uma série de diretrizes para a área. Entre as determinações, ganham destaque a proibição do uso de componentes, ferramentas e códigos fonte e utilitários proprietários e da dependência de um único fornecedor.

 
Situação de emergência
INPE terá dados de satélites internacionais para avaliar desastre no Rio de Janeiro

O International Charter Space and Major Disasters, que distribui dados orbitais para auxiliar países afetados por desastres naturais, fornecerá ao Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) imagens e informações de satélites que poderão ser utilizadas nos trabalhos de recuperação e prevenção na região serrana do Rio de Janeiro. As imagens serão entregues à Defesa Civil, usuária autorizada no Brasil.

 
« <   1   2   3   4   5   6   7   8   9   10   11   12   13   14   15   16   17   18   19   20   21   22   23   24   25   26   27   28   29   30   31   32   33   34   35   36   37   38   39   40   41   42   43   44   45   46   47   48   49   50   51   52   53   54   55   56   57   58   59   60   61   62   63   64   65   66   67   68   69   70   71   72   73   74   75   76   77   78   79   80   81   82   83   84   85   86   87   88   89   90   91   92   93   94   95   96   97   98   99   100   101   102   103   104   105   106   [107]   108   109   110   111   112   113   114   115   116   117   118   119   120   121   122   123   124   125   126   127   128   129   130   131   132   133   134   135   136   137   138   139   140   141   142   143   144   145   146   147   148   149   150   151   152   153   154   155   156   157   158   159   160   161   162   163   164   165   166   167   168   169   170   171   172   173   174   175   > »

«Voltar



Apoio: