Mercado » Associações e entidades » MIT testa aplicação de fiscalização popular em São Paulo

MIT testa aplicação de fiscalização popular em São Paulo

O Massachusetts Institute of Technology (MIT) e a Rede Nossa São Paulo preparam, para o próximo trimestre, o piloto do Promise Tracker, uma plataforma que permite aos cidadãos, principalmente os especialistas da sociedade civil, verificar o cumprimento dos programas apresentados pelos prefeitos. Segundo o MIT, São Paulo foi escolhida para o piloto inclusive por ser o primeiro município a impor, em lei, a definição de metas objetivas para o início do mandato.

No piloto, será disponibilizado um aplicativo para celular que permitirá ao cidadão acompanhar itens como o cumprimento do Plano de Metas, a destinação de recursos e os compromissos dos subprefeitos com o Conselho Participativo, eleito em dezembro.

“No Brasil, assim como em muitos países, políticos se colocam a serviço de quem financia suas campanhas, o que não é bom ao desenvolvimento, à redução das desigualdades e à melhoria dos serviços públicos”, constata Oded Grajew, coordenador geral da Rede Nossa São Paulo, “A ideia não é criticar os governos, mas prover aos munícipes, gestores e políticos as melhores ferramentas para entender os contextos locais e tomar decisões com base em informações de qualidade”, diz Leo Burd, paulistano e consultor do MIT no projeto.

Data: 18 de julho de 2014
Autor: Vanderlei Campos, com informações da Rede Nossa SãoPaulo e do MIT Center for Civic Media

«Voltar



Apoio: